quinta-feira, 28 de março de 2013

Equilíbrio, delicadeza e força

Equilíbrio. Mais do que uma palavra, um estado de espírito. Vasculhando a internet, encontrei um filme curto, feito por um diretor chamado Tobias Hutzler. Um filme sobre a delicadeza e a determinação do espírito.

Nele, mais do que qualquer coisa, se percebe o valor da concentração e da disciplina. A persistência que leva ao belo, quase mágico. Uma alegoria poética que pode se aplicar a qualquer lance da vida. Com equilíbrio se vai mais longe. Como se todo o sentido estivesse em buscar no equilíbrio algo intangível, que passa pela beleza e pelo amor.

Quer apreciar? Gaste uns minutos ai. São poucos. Menos que seis. Mas valem a pena. Pode acreditar.




No mesmo  momento em que encontrava o vídeo acima, ainda sob o impacto do equilíbrio e da beleza do filme, Mariana, minha filha, me mostrou outro vídeo. Desta vez, um clip de uma moça conhecida no mundo artístico como PINK.

É um vídeo de tirar o fôlego. Também exige equilíbrio, mas revela uma força quase sobre-humana dos dois protagonistas. São movimentos fortes de uma dança meio de disputa, meio de acasalamento, meio de discórdia, meio de poesia, meio de busca por algo que passa pela beleza e pelo amor.

Como o título da música diz, uma tentativa. Dois exemplos de beleza, equilíbrio, força, concentração e persistência. É a vida em estado imagético. É a vida, como só ela pode ser.  

Um comentário: